Por Que Eu Não Odeio Mais as Minhas Segundas-Feiras

Por Que Eu Não Odeio Mais as Minhas Segundas-Feiras

Quem já não recebeu aquela imagem do amigo pelo grupo do Whatsapp, ou, viu no facebook pessoas reclamando que o domingo acabou, e pior, a segunda-feira está chegando. Bem comum as pessoas sofrerem da síndrome do Fantástico e pensar que mais uma semana está apenas começando.

Não é à toa que muitos comediantes adorando piadinhas de segunda-feira, como é o caso desse vídeo do Porta dos Fundos.

E por muitos anos eu sofri dessa mesma síndrome, sem saber como lidar melhor com o fato de começar tudo de novo, de como era bom ficar na cama e acordar mais tarde e como chegava mal-humorado para trabalhar. Nem um oi para as pessoas eu geralmente não falava quando estava em um elevador na segunda-feira.

Para entender o porquê eu lutava tanto para encontrar um animo na segunda-feira e conseguir levar isso de forma muito mais leve e saudável, comecei a estudar os motivos que me levavam a ter uma má qualidade das minhas segundas-feiras.

Será que elas são tão ruins assim?

Afinal, são 48 vezes aproximadamente no ano de sofrimento e irritação.

O que eu encontrei ao estudar o impacto que as segundas-feiras causavam na minha vida, me surpreenderam, eu as chamo de 3 revelações de que a minha vida estava uma m….

1 – OS ABUSOS E A SAÚDE UM BAGAÇO

É fato, segunda-feira vem e vem com tudo, carregando todo o abuso do final de semana e para variar enfiamos o pé na jaca bem no domingo.

Acordamos tarde demais, comemos muito e bebemos para compensar todo o suor gasto na semana, tudo por que você merece e precisa relaxar.

Acontece que esse abuso reflete na segunda-feira, cientistas comprovam que somos mais pesados, temos mais dor de cabeça, hospitais ficam lotados nas segundas-feiras, o dia é campeão em registro de ataques cardíacos e AVC (acidente vascular cerebral), a pressão é mais alta nesse dia e para ajudar você pega aquele baita transito para chegar no trabalho porque saiu atrasado de casa.

E quando o dia começa assim, ele também demora a passar.

coaching

2 – A FALTA DE PRODUTIVIDADE E CRIATIVIDADE

Muito provável que você também sinta, sinta como eu me sentia, que sua produtividade é quase zero na segunda-feira e pior, que sua criatividade ficou na cama em baixo das cobertas, deixando você na mão.

Quando nos damos conta que estamos menos produtivos e criativos, nossa energia mental e corporal se abala completamente, gerando assim, impactos negativos na entrega de resultados e metas de trabalho.

Não se sentir produtivo o suficiente para resolver questões do dia a dia de forma rápida e inteligente, gera uma desmotivação enorme em qualquer ser humano.

Esse efeito que a segunda-feira se encarrega de executar vem muito da nossa falta de preparo para se renovar e de desenvolver uma inteligência emocional para driblar qualquer sentimento ruim do início da semana.

Deixar essa sensação tomar conta, leva você para a outra etapa: não gostar de si mesmo, não se sentir bem consigo mesmo, não acreditar no seu potencial e por aí vai.

3 – EU NÃO GOSTO DO QUE FAÇO

Bom, nem é preciso perder muito tempo escrevendo essa parte.

É muito obvio que fazer o que não gosta ou não ama, não gera motivação alguma para levantar cedo, sorrir e ir para o trabalho na segunda-feira.

É muito mais fácil ir ao trabalho quando se está realizado e satisfeito com o que faz.

Eu acordava porque tinha que cumprir o expediente e estava no trabalho tentando fingir que amava tudo aquilo, para ter um emprego e honrar com meus compromissos. Pobre de mim que estava só me enganando e criando uma úlcera.

Hoje eu sei que fiz a escolha certa de mudar a direção e seguir uma profissão que me realiza a cada dia e está de acordo com minhas crenças e valores. Veja nesse e-book “Como ser tornar um Coach” e saiba como você pode ter a vida que tanto sonhou.

UM SONHO POSSÍVEL

Bom, eu só tinha uma coisa a fazer. Criar estratégias para que minhas segundas-feiras fossem tão especiais e produtivas quanto qualquer outro dia da semana.

O que compreendi é que meu comportamento e meus hábitos, geravam a frustração da segunda-feira, impactando assim os outros dias seguintes.

A solução encontrada foi simples, entender quais mudanças de comportamentos e hábitos seriam precisos disciplinar e colocar em prática. Para mim eu encontrei as que fizeram a minha vida mudar radicalmente, como:

O sono dos deuses: dormir 8 horas do domingo para a segunda-feira faz uma diferença enorme, proporcionando ao cérebro disposição para retomar o ritmo da semana. Aproveita e acorde sedo no domingo para colocar o relógio biológico de volta ao normal.

E não se engane, a sua “zona de conforto” vai pegar pesado e vai fazer de tudo para impedir você.

A não ser que você esteja de férias, é aposentado ou seja um vagabundo.

Fazer o que gosto e amo: não teve jeito, abrir mão do alto salário para ingressar  na carreira que podia proporcionar aquilo que foi essencial para minha vida, para o que me dava mais prazer, mais paixão e mais risos no fim do dia.

Procure o que gosta de fazer. Pense…pense…e pense mais um pouco, você vai encontrar aquilo que mais o motiva a fazer e saiba que nunca é tarde para se recomeçar.

Injeção de ânimo: Vídeos criativos tem um forte poder de mudar nossa visão e nos dar a dose certa de inspiração. Eu me lembro de dois vídeos que assisti em uma manhã de segunda-feira antes de começar de fato a trabalhar e fizeram minha vida mudar de certa forma, o TEDx Talks do Bunker Roy – A Universidade dos Pés Descalços é simplesmente incrível, uma quebra de paradigma em questões educacionais e da capacidade de pessoas em aprender.

E o vídeo do Taylor Conroy – Muito maneiro a história dele e como simplesmente gastar 3 horas da sua vida e conseguir verbas para construir uma escola no Quênia não é pouca coisa, veja o vídeo!

Hábitos saudáveis: praticar exercícios físicos logo na segunda-feira de manhã e se puder aproveite o domingo para fazer alguma caminhada ou andar de bicicleta para relaxar e se preparar para recomeçar.

Dica: eu pratico meditação. Li uma vez em uma revista dessas revistas de carreira, que os maiores líderes do mercado de trabalho praticam a meditação, e que ela tem um papel fundamental nas tomadas de decisão, no foco, na disciplina, concentração e controle emocional.

Criar mudanças para sair da rotina: de alguma forma eu criei mecanismos para mudar determinados padrões comum e sair da rotina.

Dica: deixar para executar projetos que exijam criatividade, inovação e comunicação sempre na segunda-feira, iniciar novos projetos, fazer encontros de brainstorm com a equipe, explorar caminhos diferentes para chegar no trabalho, não marcar reuniões na parte da manhã e outras que você mesmo possa inventar para sair da rotina.

Eu definitivamente não odeio as segundas-feiras, eu as vejo como oportunidade de recomeçar, de fazer aquilo que acredito, de poder gerar mais resultados e estar mais perto dos meus objetivos.

Você também pode!

Um forte abraço,

Bruno Juliani.

P.S.: Se você tem “aquele amigo ou amiga” cuja descrição se encaixa perfeitamente nesse artigo, vai ser legal você compartilhar essa informação. E deixa abaixo um comentário de o que você pode fazer para ser uma segunda feita com muito mais ânimo e motivação.

banner-blog-2


Recommended Posts

Comments

  1. welisson s gonçalves : janeiro 18, 2016 at 5:06 pm

    Ola Bruno Juliani eu sempre tive minhas segundas feiras como o melhor dia da semana.Pois ponho posso por em pratica tudo que programei no domingo e terei cinco dias pra executar mesmo podendo não chegar ao resultado almejado mas terei certeza que dei meu melhor.

    Eu amo a segunda feira.

    welisson

  2. Ótimo artigo Bruno. Como sempre trazendo conteúdos relevantes. Parabéns

  3. Testando nova área de comentários…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.